Connect@ADP

Partnering with a more human resource

A remuneração do colaborador aumenta o desempenho dos negócios

Publicado Por: ADP LATAM on 2 junho 2020 in Gestão do Capital Humano

Como a satisfação do colaborador pode maximizar o potencial de uma empresa

Por Mariane Guerra

Quando o assunto é remuneração do colaborador, o renomado líder de empresa e antigo CEO da Campbell Soup, Doug Conant, acertou em cheio quando disse que “Para vencer no mercado de trabalho, você deve primeiro vencer no local de trabalho”.

Saber o que é importante para os colaboradores e implementar uma estratégia sólida de remuneração são ações essenciais para o sucesso dos negócios. Quando mencionamos remuneração, em geral pensamos em “salário”, mas o conceito vai muito além disso. A remuneração inclui todos os benefícios da equipe que, em conjunto, criam um local de trabalho mais feliz, saudável e produtivo.

Fatores como bem-estar, flexibilidade do local de trabalho, plano de saúde, benefícios da empresa, férias e transparência do empregador têm um impacto significativo na satisfação do colaborador e, por sua vez, no sucesso do empregador.

O que é importante para eles deve ser importante para você

Para manter os melhores talentos na empresa, os empregadores devem saber o que os colaboradores desejam para obter sucesso na vida profissional e pessoal. O que os inspira? O que os faz sentir que são importantes? O que os motiva a trabalhar em seu potencial máximo e a voltar todos os dias? Conhecer os desejos da equipe pode aumentar o sucesso, tanto dos colaboradores quanto dos empregadores.

Os desempenhos do colaborador e do empregador caminham lado a lado

Uma boa remuneração incentiva os talentos a trabalhar melhor. Quando os colaboradores sentem que são uma parte importante da empresa, eles se interessam pelo sucesso dela. E colaboradores interessados acabam se tornando leais. Isso resulta em menos tempo e dinheiro gastos em treinamentos para novos colaboradores no futuro.

Poder contar com colaboradores leais não é o único benefício para a empresa. O ambiente de trabalho, os programas de aprendizagem e os sistemas de avaliação são excelentes exemplos da influência da remuneração no desempenho, tanto do colaborador quanto da empresa. Sistemas sólidos de avaliação e programas de aprendizagem melhoram a qualificação e a produtividade da equipe, o que acaba contribuindo para o desempenho da empresa.

Sua melhor arma na guerra de talentos

Uma estratégia de remuneração robusta pode fazer toda a diferença no que diz respeito à vantagem competitiva de uma empresa. Em um mundo onde as palavras podem atingir as massas em plataformas como o Glassdoor, a remuneração pode ter efeito positivo na imagem de uma marca e atrair os melhores novos talentos para a organização.

Tão importante quanto conquistar novos talentos, uma boa estratégia de remuneração evita que os talentos existentes procurem outras oportunidades e mantém o conhecimento inestimável deles dentro da sua empresa. Existem consultorias que fazem levantamentos sobre a média salarial no país, com o Guia Salarial da Robert Half, por exemplo. Minha dica é que você consulte esse conteúdo para entender como sua empresa está posicionada.

O que os colaboradores valorizam no local de trabalho?

O que os colaboradores buscam em um local de trabalho é algo que muda com o passar dos anos. O relatório Global Talent Trends (Tendências de Talento Global) de 2019 identificou três fatores que os colaboradores e candidatos buscam em um local de trabalho: flexibilidade, práticas antiassédio e transparência salarial.

Seja qual for o setor, a flexibilidade é o fator cada vez mais valorizado como parte da remuneração no local de trabalho. As práticas antiassédio são igualmente importantes. O estudo revelou que as empresas estão sentindo uma pressão no que se refere à avaliação das dinâmicas e da cultura do local de trabalho, e os colaboradores estão observando se há práticas de prevenção estabelecidas.

Nunca foi tão importante para os empregadores comprovar seu comprometimento com a saúde e o bem-estar dos colaboradores, fazendo com que eles se sintam valorizados, respeitados e tratados como seres humanos, e não como números.

Nos dias de hoje, os candidatos podem descobrir muita coisa sobre uma empresa apenas com uma pesquisa online. A transparência colabora para uma mudança positiva ao manter a responsabilidade das empresas quando se trata de salário e de outros fatores da remuneração.

Ao criar uma estratégia de remuneração, é importante lembrar-se de que os valores de uma pessoa são totalmente diferentes dos valores de outra pessoa. Portanto, a estratégia deve ser abrangente para satisfazer as necessidades da empresa como um todo.

Uma estratégia de remuneração não é uma tarefa criada para ser esquecida. Ela deve evoluir de acordo com as necessidades dos colaboradores. A estratégia do seu local de trabalho está ajudando você a vencer no mercado de trabalho?

 

TAGS: Gestão de Capital Humano remuneração RH

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *