Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Como pensar “fora da caixa” em tempos de crise

Publicado Por: ADPLatAm on 13 June 2017 in Gestão do Capital Humano, Non classé

Compartilhe Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Facebook

Este deve ser o pensamento de todos os profissionais, independente da sua atuação na empresa

Pensar “fora da caixa” sempre foi uma prática comum para o pessoal da área de marketing, afinal, é preciso atuar com muita criatividade se desafiando a pensar diferente para fazer a diferença para os clientes.

Porém, hoje em dia, mais do que nunca, este deve ser o pensamento de todos os profissionais, independente da sua atuação na empresa.

Sabe por quê?

Oras, o mundo corporativo está enfrentando esta crise com pulso mais forte, ou seja, exigindo muito mais de todos.

A área de Gestão de Pessoas é uma das áreas que mais tem sido demandada por mudanças!

Os desafios são diversos, desde cumprir a dura missão de reduzir custos com pessoal até mesmo a proposta de projetos mais ousados que impactem positivamente na organização.

Como pensar “fora da caixa” se não tenho apoio da minha empresa?

Alguns podem até questionar, mas é justamente pondo em prática “pensar fora da caixa” que você vai conseguir fazer a diferença na empresa e conquistar o apoio necessário devido ao valor que você vai agregar!

É na dificuldade, enfrentando as adversidades que nos colocamos à prova e superamos nossos limites. Eis a oportunidade de “pensar fora da caixa”.

A seguir, algumas dicas que podem ajudar você a ser mais assertivo e a “pensar fora da caixa”:

  • Identifique se sua área está bem dimensionada para a realização das atividades e avalie se sua equipe não está fazendo trabalho de outra área;
  • Avalie periodicamente processos e rotinas, pois sempre é possível melhorar;
  • Crie um ambiente favorável e incentive sua equipe para “pensar fora da caixa”, pois é comum que as melhores ideias sejam propostas por aqueles que estão “com a mão na massa”;
  • Converse com seus pares e não perca a chance de conhecer as boas práticas de outras empresas;
  • Participe de fóruns, eventos, cursos, se desenvolva e invista no seu crescimento;
  • Avalie todos os pontos de determinada situação com focos diferentes. Assim você cria a oportunidade para novas ideias surgirem;
  • Esteja atento ao que acontece à sua volta, seja observador. Naturalmente você aprenderá a identificar oportunidades de melhoria;
  • Se você não tem verba para algum tipo de demanda não prevista, verifique se há economia ou se algum custo será evitado em determinado período de tempo, que justifique o investimento para esta demanda;
  • Para conseguir verba para algum projeto que julgue importante, apresente os benefícios a longo prazo e negocie apresentando em quanto tempo haverá retorno sobre o investimento;
  • Você não precisa fazer tudo internamente. Conte com o apoio externo de especialistas que conhecem as melhores práticas das empresas.

Nada é tão bom que não possa ser melhorado!

Se queremos resultados diferentes e melhores, temos que praticar cada vez mais “pensar fora da caixa”. Quando incentivamos nossa equipe a fazer isso e, também nos permitimos a ser assim, o sucesso acontece!

E nunca se esqueça de que você não depende da empresa para “pensar fora da caixa”. É uma atitude sua que fará diferença para o seu sucesso.

(Visited 47 times, 1 visits today)
Compartilhe Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Facebook

TAGS: crise gestão Gestão de Capital Humano gestão de pessoas RH

Publique uma resposta

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in: