Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Saiba como fazer com que seus funcionários sintam-se valorizados

Publicado Por: ADP LATAM on 29 novembro 2017 in Gestão do Capital Humano

“Criar significado, conexões humanas e avanços. São os grandes desafios das empresas atualmente”

Um dos principais ideais de um funcionário é ser significativo e relevante para a empresa em que trabalha. Segundo a Evolution of Work 2.0, pesquisa realizada pela ADP, mais do que receber um salário no fim do mês, 82% dos colaboradores querem desempenhar um papel importante nas organizações em que trabalham, ter um significado no que fazem e se sentirem valorizados.

No entanto, em todos os 13 países em que a pesquisa foi feita, os colaboradores apresentam sentimento de desvalorização maior do que seus empregadores imaginam, o que pode influenciar diretamente no desemprenho de trabalho.

Em meio a todo este sentimento de desvalorização, como fazer com que o profissional enxergue toda a sua importância para a empresa? Como motivá-lo?

Comunicação 

É fundamental possuir uma relação extremamente comunicativa com seus colegas de trabalho, tanto com os colaboradores como os líderes e gestores. É importante criar relações com transparência, apresentar as expectativas de crescimento na corporação, saber ouvir seus funcionários e alertá-los de possíveis oportunidades internas de promoção.

Feedbacks

Este tipo de iniciativa pode fazer toda a diferença nos relacionamentos corporativos, mostrar os erros e acertos, além de posicionar o funcionário, faz com que ele desperte a vontade de desenvolver-se. A executiva Cristina Palmaka, presidente da SAP Brasil, comentou durante o II Summit ADP, realizado em outubro deste ano, que a ação compõe o pilar de gestão da empresa, que aboliu as avaliações de performance anuais para fazer feedbacks contínuos.

“Muda a forma que a gente se relaciona, a forma que os gestores falam com seus colaboradores, e essa construção tem que ser contínua”.

Criar programas de incentivo

Várias empresas já adotaram mecanismos que incentivam os funcionários a se desenvolverem, como cursos de preparação, pós-graduação e idiomas. Ao perceber o investimento da organização, o empregado se sente valorizado e pode se tornar apto para desenvolver novas funções dentro da empresa.

“No entanto, é importante que ele deixe claro suas expectativas. Às vezes a gente joga toda a responsabilidade no empregador, mas também é do empregado de se preparar, de dar visibilidade, de correr atrás dessa preparação, de mostrar que ele tem interesse, que tem essa ambição”, conclui Cristina.

Imagem: Pixabay

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *