Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Globalizar os sistemas de RH é a solução para que os serviços profissionais possam crescer com segurança

Publicado Por: ADP LATAM on 8 setembro 2017 in Non classé

“89% das empresas acreditam ser fundamental ter uma visão completa de seus funcionários. Somente 30% têm de fato uma visão completa”

O setor de serviços profissionais é desafiado constantemente pela evolução das tecnologias como a inteligência artificial (IA), big data e a internet das coisas.Os novos processos têm se tornado pilares da nova economia digital e os sistemas de RH precisam acompanhar as mudanças de regulamentos e legislação que podem complicar a eficiência e a produtividade.

O que fazer?

A primeira coisa a se ter em mente são os custos. Mesmo que a rotatividade do setor seja estável, 33% das empresas ouvidas pela PwC tiveram um aumento nos custos de contratação e folha de pagamento.

Em muitos casos folhas de pagamento e sistemas de RH centrais aumentam ainda mais os custos. Porém, é difícil determinar os verdadeiros gastos destes sistemas, já que são fornecidos por diferentes provedores. Em contrapartida, um sistema global pode aumentar a transparência se ajudar as companhias a economizar. Bom, né?

Controle dos dados é essencial – Outro desafio é quando as empresas decidem se expandir para novos negócios. Quando novas empresas são adquiridas, muitas herdam sistemas de RH locais fragmentados – estes, além de prejudicarem o desempenho das empresas, podem não ser compatíveis com mobilidade, big data e mídia social.

Nesse caso, podem não dar a a flexibilidade necessária para o RH e suas atividades rotineiras, como novas contratações, por exemplo.

A situação pode complicar quando as informações dos funcionários e folhas de pagamento ficam armazenados em diferentes bancos de dados, dificultando o acesso e o controle dos dados globais.

Mesmo com a globalização cada vez mais presente na rotina das empresas, muitas delas continuam se baseando em sistemas locais que não se adaptam a esse novo cenário. Segundo pesquisa realizada pela Sierra-Cedar, 24% das organizações internacionais, têm planejado iniciativas de consolidação global dos sistemas de RH.

Recente pesquisa da Ernst & Young (EY) corrobora essa informação. A EY afirma que organizações que usam vários sistemas e fornecedores únicos em uma região (24%) ou em um País (24%) estão mudando para um único sistema global.

Mas essas porcentagens são baixas, se pensarmos na importância dessa ação.

E agora?

Muitas das empresas que já adotaram uma abordagem global estão descobrindo seus benefícios. Um exemplo é a Aberdeen Asset Management, um grupo de gestão internacional, que instalou um novo sistema para o aumento da eficiência da equipe de RH – que teve que lidar com a chegada de 340 funcionários quando adquiriram uma nova empresa.

Padronizar os sistemas de RH pode reduzir a carga regulamentar das equipes e ainda permitir que a gestão do capital humano seja um verdadeiro parceiro de negócios. Se você ainda não pensou nessa transição, agora é a hora.

Não fique para trás!

Ficou interessado e quer saber mais?  Você pode acessar clicando aqui.

Foto: Pixabay

TAGS: adp Connect RH Sistema

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *