Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Luciana Caletti, uma das mentes por trás do Love Mondays

Publicado Por: ADPLatAm on 14 outubro 2016 in Gestão do Capital Humano, Non classé

Compartilhe Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Facebook

Conheça a advogada, CEO e co-fundadora de uma das mais influentes startup brasileiras, a Love Mondays.

Imagine esta situação: Você vai para uma entrevista de emprego e pode, antes do processo seletivo, fazer uma análise do ambiente de trabalho e também da faixa salarial da empresa que pretende ingressar. O local é competitivo? Tem projeção de crescimento? Os benefícios são bons? É muito burocrático? Essas e outras questões poderiam ser solucionadas com poucos cliques. Poderiam não, podem. O Love Mondays vai te ajudar.

Criada por Luciana Caletti, de 36 anos, em parceria com Dave Curran e Shane O’Grady, a startup foi fundada em 2013 e já tem 680 mil avaliações e salários de quase 80 mil empresas de todo o Brasil. “A gente percebeu que o profissional tomava decisões de carreira muito no escuro e a decisão de carreira é uma das mais importantes das nossas vidas. Se você não está feliz no trabalho, você não está feliz na sua vida em geral, porque o trabalho impacta muito sua felicidade. É nele que você passa a maior parte do seu tempo”, ela explica.

Luciana Caletti

Formada em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e com MBA em Oxford, nos Estados Unidos, a gaúcha de Erechim passou parte de sua vida fora do Brasil. Morou na Inglaterra, Itália e em Dubai. Sua carreira profissional também ultrapassou fronteiras. A CEO e co-fundadora do Love Mondays já passou pela Johnson & Johnson e Capgemini Consulting no Reino Unido e teve uma experiência de quase um ano na Just Shoot It, em Dubai.

Eleita em duas ocasiões a melhor startup da América Latina pelo Latin America Startup Challenge, o Love Mondays, está intimamente alinhada com o que se espera para o mercado de trabalho no futuro: transparência e imparcialidade. Com este foco, a plataforma recorre a quem melhor conhece a corporação: seus funcionários. Para isso, ela coleta depoimentos anônimos para traçar um perfil de quem contrata. Luciana comenta “A ideia é que seja uma plataforma de avaliações equilibradas, então a gente pede pra pessoa postar um ponto positivo, pelo menos, e um negativo da empresa”. Na página ainda há direito de resposta para a entidade.

love-mondays

Luciana fala ainda sobre a mudança de expectativas dos funcionários atualmente. “Hoje a gente espera uma realização pessoal no âmbito profissional e as gerações anteriores não depositavam essa expectativa de ser feliz ou de se realizar como pessoa no trabalho. Hoje a gente vê o trabalho como a principal, ou uma das principais, fontes de realização.”

Para definir o trabalho que faz a frente do Love Mondays, a CEO é transparente. “Sempre tivemos convicção de que era um serviço útil. Nunca tivemos dúvida de que essa plataforma é o futuro da decisão de carreira e do recrutamento”. Ela ainda contextualiza. “Eu vejo a gente tomar decisão sobre o celular, carro, balada, restaurante a internet e a decisão de carreira, que é muito mais importante do que todas essas coisas, também precisa ir por esse caminho.”

No início de novembro, Luciana Caletti, sócia do Love Mondays, e outros grandes nomes do mercado de trabalho vão debater essas e outras questões. Contamos com a participação de vocês. Opinem, comentem, questionem. Estamos no momento de refletir para organizarmos os próximos passos. Fiquem conosco e aguardem as novidades!

(Visited 307 times, 1 visits today)
Compartilhe Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Facebook

TAGS: Startup

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

Fill in your details below or click an icon to log in: