Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Marketing de conteúdo: quando e como usá-lo

Publicado Por: ADP Blog Brasil on 13 dezembro 2018 in Gestão do Capital Humano, Tendência em RH

Muita coisa mudou no mercado com o advento da tecnologia. Hoje, conquistar clientes requer uma dose extra de inovação e dedicação. Já não basta apenas oferecer bons produtos e preços, é preciso ir além. Por isso, ganha força o marketing de conteúdo.

Trata-se de uma ferramenta que tem como objetivo engajar o público-alvo e fidelizar os clientes com conteúdos relevantes. A ideia consiste em informar as pessoas para que elas respeitem a sua marca e se tornem fiéis.

Cuidados para uma boa experiência

Segundo a pesquisa Content Trends, 71% das 2.725 companhias entrevistadas já utilizam a estratégia. Como resultado chegam a receber até duas vezes mais visitas e geram três vezes mais oportunidades de negócios.

Para que a estratégia atinja os resultados esperados é preciso atenção a alguns detalhes:

O cliente é o foco

Não se trata de produzir informações sobre o que sua empresa faz, mas sobre o que seus clientes precisam. É necessário abordar o mercado de atuação do negócio e as tendências. Se você possui um restaurante, por exemplo, produza conteúdos que estejam ligados a gastronomia, alimentação e bem-estar. Neste caso, não informe apenas o cardápio ou planos de expansão.

Quem é o seu público?

O segundo cuidado é definir e conhecer bem o público de seu negócio para elaborar o conteúdo que ele precisa. A ferramenta pode ser usada em textos ou vídeos nas redes sociais. Veja a seguir:

 

1. Blogs

Se optar por ter um blog da empresa, mantenha um padrão de texto, linha de conteúdo e calendário de postagens. Não adianta postar em um mês e só voltar a publicar no próximo. O ideal é que toda semana tenha um conteúdo novo disponível.

2. Ebooks

Boa alternativa para os textos extensos demais para o blog. A ferramenta é recomendada para conteúdos mais aprofundados sobre determinado tema. Isso ajuda a empresa a transmitir uma imagem de autoridade no assunto e passa confiança para o público-alvo.

3. Vídeos

Você pode produzir vídeos que cubram um certo tópico no blog ou conteúdos para redes sociais. Você pode, ainda, criar um canal próprio da empresa, o que ajuda a fidelizar os clientes.

4. Redes sociais

Por meio delas, é possível reunir os vídeos e postagens do blog. Mas lembre-se de usar a linguagem adequada para cada uma delas:

  • Facebook, os textos podem ser um pouco mais longos.
  • No Instagram, devem ser mais diretos e com imagens que chamem a atenção.

Você pode interagir por mensagens inbox ou pelos comentários nas publicações.

TAGS: marketing marketing de conteúdo

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *