Connect@ADP

Partnering with a more human resource

O feedback tradicional está em decadência, diz Marcus Buckingham

Publicado Por: ADP LATAM on 29 Março 2019 in Inovação e Tecnologia, Novidades ADP, Tendência em RH

Tecnologia. Economia Criativa. Gestão. Esses temas foram debatidos durante dez dias no South by Southwest (SXSW), um dos maiores eventos de inovação do mundo.

Realizado em Austin, no Texas, o festival reuniu empreendedores, investidores e líderes de grandes empresas.

Foram mais de mil sessões, 4,9 mil palestrantes e cerca de 75 mil participantes.

Marcus Buckingham, head de pessoas e pesquisa da ADP Research Institute, mostrou um outro lado do feedback.

Apesar de essencial para o desenvolvimento dos profissionais, a prática precisa ser feita de forma diferente.

Na visão de Buckingham, “bombardear” os funcionários de feedbacks não os ajudará a crescer. E pode, até, surtir o efeito contrário.

 

Os erros do processo

O que tem acontecido, nos últimos anos, é que as companhias, como reflexo da entrada dos millennials no mercado de trabalho, têm exagerado nos feedbacks.

E a maior parte dos sistemas de avaliação classifica os profissionais de acordo com uma lista de atributos desejados.

Assim, o caminho para ter bons talentos, é focar nos pontos fracos. Errado! Na visão de Buckingham.

Ele ressalta que não é esse feedback que melhora o desempenho.

Depois de anos de pesquisas, o executivo constatou que o mais importante é o gestor observar o trabalho do profissional.

A ideia é entender o que funciona para aquela pessoa. E, assim, atuar para ajudá-la a ser mais produtiva e feliz no trabalho.

 

Conselhos de Buckingham para os líderes

  • Informar o que você pensa do desempenho do colaborador não o ajuda a progredir, nem a se superar. Da mesma forma, dizer o que fazer para melhorar inibe o aprendizado;
  • O aprendizado tem mais relação com reconhecer, reforçar e redefinir o que já existe, e menos com desenvolver uma habilidade;
  • Trabalhe para reconhecer as competências que já existem nos funcionários e reforce-as;
  • As melhores contribuições acontecem quando as pessoas usam o que possuem de mais forte em sua personalidade;
  • Aposte em nutrir as características pessoais de cada membro da equipe. Times de alto desempenho são formados por profissionais com habilidades complementares.

 

 

TAGS: feedback Marcus Buckingham SXSW

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *