Connect@ADP

Partnering with a more human resource

O que você precisa saber sobre Ponto Digital

Publicado Por: ADP LATAM on 6 abril 2020 in Folha de Pagamento, Gestão do Capital Humano, Non classé, Novidades ADP, Tendência em RH, Webinar

Pensado para facilitar o dia a dia de colaboradores e empresas, o novo Service Place é apresentado no Webinar realizado pela ADP

Para falar sobre como a tecnologia pode impactar positivamente na produtividade dos colaboradores, Rafael Kiss, diretor de Produtos e Inovação; Renato Custódio, líder das iniciativas de UX (User Experience); Adelita Campos, gerente de Compliance de Produtos; Vinicius Schaarschmidt, gerente de Produtos; e Deise Santos, especialista de Processos e Projetos na área de Business Excellence, promoveram uma conversa sobre os benefícios do ponto digital. Você pode conferir essa importante conversa no vídeo aqui.

Pensado para otimizar o uso da plataforma, o novo Service Place é focado nas ferramentas de informe de rendimentos, demonstrativos de pagamentos e espelho do ponto. “O portal de consultas traz, por exemplo, a possibilidade do colaborador fazer sugestões de ajuste para o seu ponto. No caso de trabalho externo, não será mais preciso ligar ou enviar um e-mail para o gestor para fazer a alteração e justificativa de ausência. Tudo fica formalizado na própria ferramenta, no mesmo dia. É imprescindível dizer que o funcionário não efetiva o ajuste sem a aprovação do gestor ou do RH.”, apontou Vinicius Schaarschmidt.

Com esse novo serviço, a ADP quer atender, diretamente, o colaborador, dando autonomia e acesso a fácil às informações. “As plataformas de RH nasceram para atender ao departamento de gestão de pessoas e, agora, elas estão atendendo, também, ao funcionário, que entra nesse ciclo de eficiência e se torna empoderado para efetuar o auto-serviço. Ele consegue ter acesso às informações – que são dele – quando quiser. Isso é uma mudança de paradigma muito significativa”, comentou Kiss.

Outro ponto positivo da nova ferramenta destacado por Renato e Vinicius, durante o webinar, diz respeito à usabilidade já que a plataforma se adapta em qualquer dispositivo móvel. “Na prática, trata-se de um site na web que se ajusta ao dispositivo que está sendo usado. Então, se eu estou no tablet, no smartphone ou no computador, ele vai me trazer, naquele dispositivo, a informação – atualizada – que é necessária a tomada de decisão. É preciso, apenas, um equipamento com conectado à internet para acessá-la”, explicaram.

Uma preocupação constante da ADP é, sempre, manter o compliance. E o Service Place segue a regulamentação do ponto digital. “A portaria 373 prevê o controle de jornada alternativa ao relógio de ponto. Então, ela tem alguns requisitos fundamentais que os clientes devem seguir. O primeiro é possuir acordo coletivo e, além disso, há quatro outros requisitos fundamentais que o sistema deve seguir e com os quais nosso sistema está de acordo, que é: não permitir restrição de marcação; não permitir a alteração e nem eliminação das batidas originais; não exigir a necessidade de autorização prévia para marcação de hora suplementar; e nem efetuar marcações automáticas. Cumprindo esses requisitos, o cliente e o sistema estão em compliance para o ponto digital.” explicou Adelita Campos

Deise Santos encerra a explanação apontando o sucesso da plataforma com os clientes que já a aplicaram, “O processo de implantação, realmente, atingiu o objetivo e deixou tudo conectado. Certifica, também, que o auto-serviço não é apenas para o usuário final, mas também para o cliente e para o RH que parametriza. Então, o cliente, com uma ação muito pequena da ADP, ou quase nula, consegue implantar o Service Place sozinho e oferecer essa facilidade aos seus colaboradores”.

O Webinar completo está disponível nos canais oficiais da ADP Brasil no YouTube.

 

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *