Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Como o people analytics revoluciona as práticas de RH

Publicado Por: ADP LATAM on 13 novembro 2017 in Non classé, Notícias & Eventos

“Mas, muito além de apenas organizar, a adoção dessa tecnologia também contribui  para a otimização do trabalho dos profissionais”

O people analytics auxilia os departamentos de Recursos Humanos a organizar os dados provenientes de todas as áreas de uma companhia e que dizem respeito ao seu quadro de colaboradores.

Mas, muito além de apenas organizar, a adoção dessa tecnologia também contribui para a otimização do trabalho dos profissionais. Outro ganho é na obtenção de insights valiosos ao desenvolvimento dos negócios e, consequentemente, da carreira de cada empregado.

Segundo artigo publicado no último ano pela Deloitte sobre people analytics, 77% das companhias entrevistadas no Brasil consideram a tecnologia “importante” ou “muito importante” aos negócios.

People Analytics e novas probabilidades

De acordo com o mesmo levantamento, as companhias vêm reconhecendo a importância dessa ferramenta, em especial, para estimular a chegada de novos talentos. Com ela é possível realizar um mapeamento mais assertivo do mercado, analisar o perfil dos colaboradores com melhor desempenho e entender como desenvolvem suas tarefas, além de coletar dados sobre níveis de satisfação e obter insights sobre como agir para estimular o engajamento.

Outra possibilidade que se abre com a ferramenta é o trabalho com modelos preditivos. Eles permitem, por exemplo, avaliar quem exercerá melhor determinado cargo, qual colaborador se tornará um líder mais eficiente e até o que é necessário para entregar resultados de alta qualidade, tudo de acordo com dados já disponíveis em seus sistemas.

Perspectivas para o futuro

A operacionalização dessa tendência ainda caminha a passos lentos, é verdade. Mas é preciso já estar preparado, uma vez que, cada vez mais, elas se mostram fundamentais para o atendimento de demandas – e expectativas – de colaboradores.

Isso em tempos nos quais o índice de turnover nas empresas tem aumentado, em especial pelo perfil do novo profissional que chega ao mercado de trabalho e pela facilidade em se procurar uma nova vaga no mercado – a partir do Linkedin, sites especializados, redes sociais etc.

Frente a esse cenário, o people analytics permite que o RH absorva diferentes desafios – como análise de riscos, seleção de candidatos com o melhor perfil e performance, identificação das melhores equipes em termos de eficiência, previsão de riscos relacionados a compliance, além de analisar níveis de engajamento, cultura, perspectiva de carreiras e bonificações aos colaboradores – tornando-o realmente estratégico e essencial para a companhia.

Foto: Pixabay 

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *