Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Prazo para eSocial acaba semana que vem. Sua empresa está pronta?

Publicado Por: ADP LATAM on 8 Janeiro 2018 in eSocial, Notícias & Eventos

“Caso sua corporação seja uma das que ainda não está preparada a dica é buscar – urgentemente – uma companhia especializada para minimizar os danos pelo atraso”

No dia 08 de janeiro todas as empresas brasileiras com faturamento acima de R$ 78 milhões precisarão dar entrada no eSocial. Quem acompanha as postagens do blog viu que muito foi discutido sobre o projeto do Governo Federal que tem por objetivo coletar as informações descritas no seu objeto, armazenando-as no Ambiente Nacional do eSocial.

Ele faz parte do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED), lançado em 2007, e utiliza esses dados para fins trabalhistas, previdenciários, fiscais e de apuração de tributos e do FGTS.

O que muda?

Com este novo sistema, o Governo visa diminuir fraudes ainda cometidas por milhares de empresas, além de garantir mais segurança para o empregado e empregador perante a lei, que com o novo sistema terá suas informações e obrigações tributárias, fiscais, previdenciárias e trabalhistas alocadas em uma única plataforma.

Inconsistência de dados

A área de testes do programa está no ar desde agosto e a ADP já está submetendo seus clientes à testes frequentes para identificar possíveis empecilhos e evitar que algo saia errado no dia 08.

Para Eliene Cotrim, gerente na ADP Brasil, o principal medo nessa etapa inicial é a inconsistência de dados, por isso tudo precisa ser bem analisado.

“Se um funcionário tem um filho de 12 anos e ainda não tem CPF, por exemplo, todo o cadastro dele no sistema pode ficar prejudicado. Por isso buscamos, nos últimos meses, agrupar todos os dados e evitar que alguma brecha impactasse a adequação”, explicou.

Segundo informações do Comitê Gestor do eSocial, até outubro de 2017, cerca de duas mil empresas tinham se inscrito para esta primeira fase. Um dado preocupante, visto que são esperadas que 14 mil companhias regularizem seus documentos em janeiro.

Busque ajuda especializada

Caso sua corporação seja uma das que ainda não está pronta, Eliene faz um alerta – é preciso buscar, urgentemente, uma companhia especializada para minimizar os danos pelo atraso. É importante que a direção da empresa entenda o impacto da mudança e incentive a criação de um grupo de trabalho que reúna as áreas de:

  • Recursos Humanos
  • Tecnologia
  • Fiscal Contábil
  • Logística
  • Folha de Pagamento
  • Medicina do Trabalho
  • Financeiro.

Devido à complexidade do programa e por envolver diferentes áreas, será necessário contar com um parceiro que ajude a entregar essas informações ao Governo dentro do prazo.

“A ADP acompanha o processo do eSocial desde o início do projeto, por meio de uma empresa parceira que participou da fase piloto. Essa participação ativa nos deu a correta dimensão do tempo e da quantidade de detalhes que uma companhia precisa se ater para se adequar”, completou Eliene.

Com o prazo se esgotando, não há mais tempo! Para mais informações acesse nosso site.

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *