Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Sua empresa sofre com a alta rotatividade? Saiba que o gerenciamento de talentos pode reduzir esse índice

Publicado Por: ADP LATAM on 15 novembro 2017 in Non classé, Notícias & Eventos

“Quando uma companhia não investe no bem-estar de seus funcionários, o resultado é um alto índice de turnover enfrentado pelo mercado”

Olhe para seus colegas e responda a uma pergunta: quantos funcionários estão na empresa há mais de um ano?

Quando uma companhia não investe no bem-estar de seus funcionários, o resultado é um alto índice de turnover.

Mas há medidas para conter essa alta rotatividade – e as constantes dores de cabeça que o RH enfrenta. Uma delas é focar na gestão de talentos e criar ambientes propícios para que os funcionários se sintam bem e possam se desenvolver.

Mas como?

A rotina de uma empresa é muito intensa. Durante todo o dia sempre surgem demandas corporativas, como aprovação de orçamentos, compra de materiais e reuniões. São tantas as atividades, que processos como a gestão do capital humano mesmo sendo   muito importante, podem passar em branco.

Para entender a seriedade deste setor para o desenvolvimento das empresas, a ADP Research Institute realizou a pesquisa Evolution of Work 2.0. Foram entrevistados empregados e empregadores em 13 diferentes países e o que se viu foi uma desconexão em posicionamentos importantes, como a conscientização sobre o zelo com o quê os funcionários pensam e sentem.

Nem tudo está perdido

Por isso os resultados dessa pesquisa são tão importantes, já que ela serve para despertar as companhias. É preciso se atentar para o gerenciamento de talentos e sair do lugar comum, inovando e adaptando cada ambiente de trabalho para que os colaboradores tenham boas experiências.

Porém, há lacunas entre empregadores e empregados que podem dificultar, como a percepção do esforço que é dedicado ao trabalho. Os colaboradores consideram que as companhias não reconhecem o desempenho deles e, por outro lado, as empresas acham que seus funcionários estão cientes do valor que têm.

As mudanças são improváveis de acontecerem organicamente de qualquer um dos lados. Em vez disso, os profissionais de RH podem ter papel intervencionista para provocá-las. Sejam a força motriz dessa mudança. Funcionários realizados são a chave para o sucesso.

Mercado de Trabalho

Foto Capa: Pixabay

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jośe Alfredo de Santana says

Sei que passam varias coisas em uma empresa de grande porte mais nunca é perguntado o que pode ser implantado ou não pois quem vai operar as mudanças são os colaboradore e todas as mudanças sempre são muito dastricas, mudança só dar certo quando ela consegue agregar o maior número de pessoas a favor.