Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Três pilares cruciais para implementar o modelo de squad

Publicado Por: ADP LATAM on 7 Maio 2019 in Gestão do Capital Humano, Non classé, Tendência em RH

Um estudo da Deloitte mostra que o redesenho organizacional é a principal preocupação dos executivos de gestão de pessoas globalmente.

Cerca de 90% dos entrevistados consideram a tendência “importante” ou “muito importante”.

No Brasil, 94% dos líderes de RH veem o tema como prioridade.

Nesse sentido, o squad tem ganhado força.

O modelo prevê a dissolução dos tradicionais departamentos e a formação de esquadrões compostos de profissionais multidisciplinares.

Isso significa, por exemplo, que um profissional de marketing atua no mesmo grupo que um programador, um funcionário da área de vendas e outro do setor financeiro.

Enquanto no método tradicional o que impera é a hierarquia; no squad todos têm autonomia suficiente para tomar decisões.

Mas, para o modelo organizacional dar certo, é preciso se atentar a alguns pilares:

 

  1. Mindset ágil

O grande desafio é criar o mindset ágil, que deve ser apoiado pela alta direção.

No squad, o status deve ser deixado de lado e as lideranças ficam diluídas nos grupos. Trata-se de um modelo colaborativo.

Assim, alguns pontos devem ser valorizados pela empresa.

Aprendizado contínuo, entendimento de que o erro faz parte do processo, autonomia e transparência entre as diferentes áreas são alguns deles.

 

  1. Pessoas certas

É preciso mapear o capital humano para identificar se há funcionários com o perfil adequado para fazer parte do processo.

Não dá para apenas incorporar métodos que estão em alta no mundo da gestão se não existirem pessoas que saibam trabalhar com o pensamento colaborativo que o modelo exige.

 

  1. Liderança envolvida

Além de identificar profissionais com perfil para trabalhar nesse conceito, é crucial contar com líderes dispostos a aprender e a incentivar outros times.

Nesse contexto, é importante olhar para dois pontos.

O primeiro é a parte de treinamentos.

Isso quer dizer oferecer estudo e entendimento sobre as melhores práticas de gestão para, assim, estruturar as áreas a partir das metodologias ágeis.

O segundo é o recrutamento e seleção.

O RH deve ter em mente a contratação de pessoas com mindset digital, ou dispostas a desenvolvê-lo.

 

TAGS: equipe metodologias ágeis squad

Publique uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *