Connect@ADP

Partnering with a more human resource

Você conhece as principais medidas de prevenção de acidentes da sua empresa? Confira dicas de como manter um ambiente de trabalho seguro

Publicado Por: ADPLatAm on 26 May 2017 in Non classé, Tendência em RH

Compartilhe Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Facebook

Você sabe qual é a importância de uma empresa manter-se em conformidade com as questões de Segurança e Saúde do Trabalho?

Pois bem, apesar da garantia do bem-estar dos trabalhadores parecer uma questão óbvia, essa ainda é uma realidade distante para algumas companhias brasileiras. Segundo levantamento do anuário da Previdência Social de 2015, 600 mil acidentes de trabalho foram notificados no país – em especial nos segmentos de comércio, construção civil e área rural.

Outro dado alarmante foi emitido pela ONU Brasil. Segundo publicação de abril no site oficial, entre 2012 e 2016 a mão-de-obra brasileira perdeu mais de 250 milhões de dias de trabalho devido a acidentes e doenças ocupacionais – portanto, adquiridas durante o exercício de suas tarefas -, enquanto cerca de 20 bilhões de reais foram gastos com benefícios acidentários.

Banner - segurança

Prevenção: por onde começar

É mandatório que as empresas tenham uma área dedicada à Segurança e Saúde no Trabalho para coordenar todas as demandas nesse sentido. Em caso de quaisquer acidentes típicos – a exemplo de quedas, choques elétricos, mutilações, perfurações, entre outros – cada companhia deve emitir uma Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT). Entretanto, há maneiras pelas quais a prevenção pode auxiliar na redução de riscos aos empregados e garantir um ambiente seguro.

Isso porque, segundo o Small Biz Trends publicou no último ano, dentre as cinco principais causas de acidentes estão atividades simples, que podem acontecer em empresas além daqueles que exigem o esforço físico de seus colaboradores. Dentre elas estão o manuseio de materiais; escorregões; tropeços e quedas; colisões; acidentes envolvendo ferramentas e traumas cumulativos – causados pelo movimento repetitivo de alguma parte do corpo.

E como evitar esses imprevistos?

 

Providencie um ambiente seguro

Antes de qualquer coisa, é importante garantir que o ambiente no qual seus colaboradores trabalham possua o mínimo para garantir sua segurança. Em escritórios, por exemplo, sinalizar pisos escorregadios, providenciar antiderrapantes em escadas, cadeiras confortáveis para aqueles que permanecem sentados por muito tempo e fornecer instrumentos que aliviem eventuais dores com o trabalho repetitivo para os profissionais que operam com máquinas ou equipamentos.

 

Crie uma cultura saudável dentro da empresa

Para além do fornecimento de equipamentos, também é necessário instaurar uma cultura que valorize a segurança e o bem-estar dos colaboradores. Palestras sobre as melhores práticas, alertas sobre as principais causas de acidentes e como cada um pode preveni-los, treinamentos com passo a passo de procedimentos de segurança e, – por que não? -, recompensas àqueles que seguem as normas estabelecidas, como uma forma de incentivar os demais.

A prevenção de riscos laborais deve estar na pauta de todas as empresas, independentemente do mercado no qual atuam. E você, sabe quais práticas sua companhia aplica no dia a dia?

Texto Por: Leonardo Bonfim 

(Visited 78 times, 1 visits today)
Compartilhe Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on Facebook

TAGS: ambiente seguro cultura saudável empresa medicina do trabalho segurança segurança e medicina do trabalho segurança no trabalho trabalho

Publique uma resposta

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in: